Depois de “treta” com garis, Romeiro anuncia que vai assumir limpeza

0
878

Depois de se envolver em uma discussão com garis, que bloqueavam a BR-174 em protesto contra o atraso nos salários, o prefeito de Presidente Figueiredo, Romeiro Mendonça (PDT), anunciou hoje nas redes sociais que os serviços de coleta de lixo e limpeza pública da cidade passarão a ser realizados pela Secretaria Municipal de lnfraestrutura e Serviços Públicos (Semisp), a partir de hoje.

“As contratações, em caráter emergencial, foram iniciadas na manhã de hoje e deverão atender preferencialmente os profissionais que antes trabalhavam para a empresa responsável pelo serviço”, disse ele.

Desde o início da semana os garis paralisaram os serviços de limpeza, argumentando que estão há meses com os salários atrasados. A Prefeitura acusou a empresa Ecoagro Comércio e Serviços Ambientais, detentora do contrato de limpeza pública do município, de não honrar os compromissos com os funcionários. Mas diretores dela, ouvidos pelo blog, argumentam que os repasses vêm sendo atrasados.

Ontem Romeiro rompeu a barreira montada pelos garis na estrada, dirigindo o próprio veículo, e seus seguranças chegaram a ameaçar os grevistas.

Vereadores de oposição desconfiam de que, por trás do episódio, está uma disputa empresarial pelo serviço de coleta de lixo do município, que é um dos que tem maior arrecadação do Estado.

A coleta de lixo é hoje um dos maiores contratos em qualquer orçamento municipal, objeto da cobiça de grupos empresariais.

O prefeito Romeiro Mendonça já anunciou um decreto revogando o contrato com a empresa Ecoagro. Esta contratou uma assessoria jurídica pesada, que já começou a atuar e está preparando uma série de ações contra o município, em várias frentes.

 

FONTE: blogdohiellevy.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here